Ouça agora na Rádio

foto-locutor

Buscando...

Buscando...

Destaques

Economia

Compartilhe agora

Projeto da ponte que liga Campinas do Sul a Ronda Alta começa a ser viabilizado

Postado em 16/12/2020 por

Feature image

*Fonte imagem : 05*


Há meio século duas regiões do Norte do Rio Grande do Sul sonham em concretizar a obra de uma ponte que une as cidades de Campinas do Sul e Ronda Alta após o rio passo fundo inundar a área no ano de 1970.

A HISTÓRIA

O ano era 1983 Leonir Antonio Bortulini na época com 28 anos assumia o cargo de  Prefeito do município de Campinas do Sul e com ele existia um sonho de ver a ponte que passa sobre o rio Passo Fundo ser literalmente concreta.

Foto: Divulgação

Nas palavras do “Timoneiro” como ele se intitula ” incontáveis frentes e encontros foram provocados e realizados, muitas pessoas estiveram e estão envolvidas nesta caminhada”. O documento mais antigo que eles tem conhecimento é datado de 17 de julho de 1988 quando o presidente da Eletrosul encaminhou o registro para o então governador da época Pedro Simon e que dizia que “a Eletrosul devia a ponte, porém, não tinha recursos orcamentários e financeiros para fazer a obra”.

Os anos se passaram e meio século depois Leonir  juntou forças com empresários, autoridades e apoiadores, e no dia 10 de dezembro de 2019 foram para Brasília se juntar com o Deputado Federal Darcisio Paulo Perondi (MDB) onde em uma reunião fecharam convênio entre o ministro do desenvolvimento regional e o munícipio de Campinas do Sul garantindo o recurso para construir a ponte.

SOBRE A REUNIÃO EM BRASíLIA

Naquela oportunidade e após conturbada reunião para chegarem em um acordo, o Deputado Perondi garantiu à comitiva (Representando as administrações de Campinas do Sul e Ronda Alta estiveram seus vice-prefeitos e assessores, juntamente com o Timoneiro) a quantia de R$ 9.000,000,00 e assim, o primeiro passo havia sido dado. Em tratativa com os prefeitos das duas cidades que fazem a divisa de município, Campinas do Sul através do seu Prefeito Neri Montepó (PP) e de Ronda Alta Miguel Gasparetto (PT) comprometeram-se em destinar o valor de R$ 1.230.000,00 de cada prefeitura e assim fechando o montante de R$ 11.460.000,00.

O recurso está assegurado no orçamento da união e o prazo para que os documentos sejam concluídos é 28 de julho de 2021. Quanto a ponte, já foram licitados projeto executivo, projeto de sondagem (testes estão sendo executados atualmente) e licença ambiental.

Porém, a outra parte do sonho deste “timoneiro” é conseguir recursos para que sejam asfaltadas as rodovias que dão acesso a ponte. Para isto este grupo de empresários e autoridades estão buscando apoio para que quando pronta a ponte, não leve mais meio século para que seja asfaltadas as rodovias de acesso.

No dia de amanhã, 16, acontecerá uma importante reunião em Sarandi com lideranças empresariais e políticas.

Fonte: Atmosfera Online

Deixe um comentário

Ao enviar um comentário você concorda com nossas politicias de comentários, saiba no link ao lado. política de comentários